Convergência das Mídias

 

 O ciclo da água

 

A Escola a um click de casa

 

A partir da ferramenta do YouTube as aulas de ciência podem passar de simples observação para produções de materiais de estudo como vídeos, animações e outros, elaborados e realizados pelos alunos e postados na Internet, podendo ser acessadas na escola ou em outros ambientes como da casa do aluno no momento do estudo.

Convergência das mídias

Conceito
É a integração entre os dispositivos digitais, os computadores e as telecomunicações.

Convergência tecnológica é um termo empregado em diferentes setores de atividades, tais como comunicação, computação, telecomunicações e outros, com o intuito de designar o uso de uma única infraestrutura tecnológica para fornecer acesso a informações, aplicações e serviços, os quais requeriam originalmente equipamentos, canais de comunicação, protocolos e padrões independentes.

                O que podemos esperar da escola dos nossos dias? É impossível pensar em uma educação estática tendo como pano de fundo uma sociedade em constante movimento e porque não dizer “atualizações”. Estudando os textos da Unidade I compreendemos que esse processo de convergências das mídias é definitivo ao mesmo tempo em que passa por constantes modificações. À medida que a sociedade aprende a utilizar os inúmeros recursos tecnológicos ela modifica sua forma de relacionar-se com o mundo a sua volta.

            Nesse contexto de avanços nas formas de informação e comunicação, em que vários recursos podem ser encontrados a mão em um único aparelho, convém à escola incorporar essas práticas em seu cotidiano, a partir de metodologias que explorem o conteúdo de forma integrada com essas tecnologias. Mas para isso é preciso capacitação e avanços na forma de ensinar para/em uma sociedade digital.

            Não basta informar a partir da Web as possibilidade são outras com a Web 2.0 garantindo a co-autoria do conhecimento, por parte dos alunos e demais usuários dessas tecnologias. Sabemos que nossos alunos são capazes de interagir com as tecnologias com mais facilidade, o que falta a escola é utilizá-las a favor da aprendizagem tecnológica e curricular. Temos, no entanto, que ter o cuidado de não limitar as formas de uso dessa tecnologia que muda a todo instante. Senão corremos o risco de propagar um ensino tradicional mesmo com a presença das novas tecnologias na escola. Apenas substituindo tarefas maçantes por tarefas maçantes utilizando-se das mídias e tecnologias.

Hugo Emanuel de Oliveira

Anúncios

, , ,

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: