CONVERGÊNCIA DAS MÍDIAS

Por CRISTINA MARIA DE MELO NETA

– Link do vídeo selecionado para a atividade:

– Legenda foto: Açude de gargalheiras, município de Acari-RN.

Ao iniciar o estudo da disciplina CONVERGÊNCIA DAS MÍDIAS, nos deparamos com conceitos e definições claras e condudentes, que serviram de subsídio para a compreensão e ampliação de conhecimentos prévios sobre elas, o que nos conduziu a um entendimento bem fundamentado sobre o que é convergência em um sentido mais geral da palavra propriamente dita, como sendo o ato de convergir; como ponto ou grau em que algumas linhas, ou raios luminosos se convergem.

Partindo desse princípio, evidenciamos que a convergência ocorre quando estão presentes, elementos da linguagem de duas ou mais mídias, interligados pelo o mesmo conteúdo em um único ambiente.

Nesse sentido, vale salientar que na sociedade atual são exigidos de cada indivíduo conhecimentos, informações e habilidades que permitam a ele interpretar e analisar de modo crítico e eficiente, a crescente quantidade de informações veiculadas através das mídias, com velocidade e em quantidade cada vez maiores. Partindo dessa concepção, temos vivenciado nos últimos anos um intenso desenvolvimento tecnológico, cujos reflexos são percebidos cada vez mais em nossa sociedade através da convergência presente nos aparelhos, bem como, das descobertas que vêm acontecendo em períodos curtos de tempo.

Isso posto, denota-se que o avanço tecnológico acontece de uma forma tão rápida que pode trazer alguns problemas para algumas pessoas, no sentido de compreender o funcionamento de algumas máquinas, considerando que cada uma tem características próprias, como também, em termos de configuração. Antes mesmo de se adquirir o domínio de um determinado aparelho, já surge outro mais moderno no mercado.

Segundo o texto, convergência tecnológica ou midiática, é a integração entre as telecomunicações, os computadores, envolvendo também as mais tradicionais como o rádio, o jornal, a televisão, a mídia impressa, todos em um único artefato, ou seja, em um único aparelho.

A concepção sobre como as mídias se convergem, nos remete a uma reflexão de que não podemos omitir que elas fazem parte da nossa vida e que precisamos buscar informações necessárias para usá-las com eficiência no contexto pessoal e profissional.

No campo profissional, priorizamos as mídias tecnológicas através da metodologia de projetos, que potencializa a articulação entre os saberes das diversas áreas de conhecimento, das relações com o cotidiano e do uso de diferentes meios tecnológicos ou não. Durante a execução de um projeto, o aluno tem a oportunidade de recontextualizar conceitos e estratégias, bem como, estabelecer relações significativas entre as várias áreas de conhecimento.

Nos projetos educacionais são contemplados o uso das tecnologias, como TV, Vídeo, computador/internet, planejados de acordo com os temas selecionados para cada disciplina, uma vez que somos polivalente, no Ensino Fundamenta I.

Além disso, podemos fazer uso do celular que é uma tecnologia móvel, além da função de comunicação, para realizar o registro de algumas atividades com a câmera digital, transferir informações, ver tv, passar email, etc,

Para ilustrar, lembramos de DEMO, quando ele afirma que “Ser professor não é dar aulas, não é instruir, é cuidar que o aluno aprenda”.

Anúncios

, , ,

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: